Conheça Caio Emanuel, o judoca betinense que está colecionando pódios e medalhas | O TEMPO Betim
 
'Vamos Falar de Coisa Boa?'

Conheça Caio Emanuel, o judoca betinense que está colecionando pódios e medalhas

O atleta, que mora na região do Niterói, é aluno da Judô Águia Branca Artes Marciais e, apesar da pouca idade, é uma promessa no esporte

Publicado em 15 de agosto de 2022 | 14:55

 
 
normal

Na coluna #VamosFalardeCoisaBoa, no Instagram do OTB desta segunda (15) você vai conhecer a história inspiradora do pequeno judoca Caio Emanuel de Oliveira @caioemanueljudoca , de apenas 11 anos. Apesar da pouca idade, o menino coleciona medalhas e, no último sábado (13), levou pra casa mais um título.

O betinense, que mora na região do Niterói, é aluno da Judô Águia Branca Artes Marciais e, desde 2021, tem como mestre Alan Valter da Silva, professor de Educação Física, técnico de judô faixa 4º Dan. "O Caio vem se desenvolvendo muito e tem grande potencial. Neste ano ele já conquistou títulos de expressão e é uma grande promessa, apesar da pouca idade. Ainda vamos ouvir falar muito dele nos próximos anos", ressaltou.

Caio começou na modalidade aos 8 anos e atualmente disputa na categoria sub-13 masculino meio-médio (-42kg). A primeira medalha veio em 2019, na Copa São Domingos Sávio de Judô, em Contagem, quando Caio completava três meses de treinos.

De lá pra cá, o atleta já levou para casa 10 medalhas, sendo quatro só em 2022.
Segundo o pai, Ademir Oliveira, Caio se encontrou na modalidade e além de uma criança muito amorosa com a família, é um judoca dedicado, que se cobra muito e não aceita falhar nos treinos. "Só quem é pai de atleta que sabe como é isso. Vivemos todas as emoções com ele. Participamos de cada etapa e quando ganha, vibramos juntos. Quando perde a tristeza também é nossa, mas ele está competindo e lutando pelo sonho de ser tornar um medalhista olímpico", conta.

Nas horas vagas, Caio gosta de andar de bicicleta e, quando o assunto é inspiração, o que não faltam são nomes de atletas consagradas como Rafaela Silva, Ketleyn Quadros, Mayra Aguiar e Maria Portela.